BARGAIN

BARGAIN

«Bargain» é uma série sul-coreana com uma grande dose de originalidade. Nunca tínhamos visto nada assim, tão caótico e estapafúrdio, e, perante a incredulidade dos acontecimentos, só queremos ver mais episódios. A história é numa espécie de caos em tempo real, ninguém nos prepara para aquilo que vai acontecer. É um desafio ao nosso poder de antecipação. E a história vai evoluindo à velocidade um comboio bala, só podemos esperar o inesperado.

Roh Hyung-su (Jin Seon-kyu) é um agente infiltrado numa organização criminosa que tenta desmantelar uma rede de sexo quando contacta Park Ju-young (Jeon Jong-seo). Este acaba por ser ludibriado e vê-se numa maca com os seus órgãos a serem leiloados por um grupo de estranhos. Quando achávamos que a narrativa não poderia ficar mais estranha, um terramoto interrompe o leilão e o polícia e o seu alvo encontram-se a fazer pela vida com uma organização criminosa a meio de um golpe interno pela liderança do clã. E não podemos revelar mais nada…

A série tem como figura principal Jeon Jong-seo, actriz aclamada pela sua participação no filme «Em Chamas» [«Burning»], 2018. A estrela desta série já deu o ar da sua graça em 2023 em «Bailarina» da Netflix e participou no remake sul-coreano de «La Casa de Papel» (2022) [«Money Heist: Korea»]. Em «Bargain» interpreta uma das jovens que alicia os clientes ao passar-se por menor de idade com vista a capturar as vítimas para a recolha de órgãos. Faz o que tem a fazer sobre a ameaça de ficar sem vida com um dispositivo que lhe instalaram na cabeça.

«Bargain» leva para casa o prémio de argumento mais original de uma série de televisão com as componentes de thriller, terror e muito humor negro. É uma série de seis episódios (baseada numa curta-metragem) que tem a atmosfera semelhante a um videojogo de sobrevivência na linha de Resident Evil, seja nos cenários, personagens ou acção. É uma bela aposta dos canais TVCine.

[Texto publicado originalmente na Revista Metropolis nº101, Inverno 2023]