The Meyerowitz Stories

THE MEYEROWITZ STORIES

THE MEYEROWITZ STORIES

Noah Baumbach («Frances Ha», 2012, «Margot e o Casamento», 2007) em «The Meyerowitz Stories» imaginou uma família nova-iorquina que vive com várias feridas abertas. Para a compor juntou no mesmo grupo sanguíneo Dustin Hoffman, Adam Sandler, Ben Stiller e Elizabeth Marvel. Adicionou também uma neta, Grace Van Patten. E para apimentar a receita uma pitada da genialidade de Emma Thompson. Tudo muito bem misturado e dirigido cria uma família com sabor agridoce que procura todas as razões possíveis para continuar a ser assim denominada. Associações culinárias à parte, o realizador nova-iorquino cria um belo filme, que nos prende ao écran da Netflix. Não só devido ao seu notável elenco, mas também à fantástica e sensível história que construiu.

Ora, nesta história Dustin Hoffman é Harold Meyerowitz, um escultor cujo talento nunca foi inteiramente descoberto ou apreciado e talvez por isso tenha se revelado um pai amargo, mostrando claramente aos filhos a sua deceção para com eles. Ou seja, nenhum deles seguiu uma carreira artística e nenhum deles foi/é suficientemente bom aos seus olhos. Meros mortais. Daí que Jean (Elizabeth Marvel), Danny (Adam Sandler) e o meio-irmão Matthew (Ben Stiller) tenham sentimentos contraditórios em relação ao pai, e também entre si, uma vez que pouco se conhecem. Toda esta síntese é “cinzentona” e depressiva, porém Noah Baumbach equilibra muito bem o riso e as lágrimas, tornando as personalidades, as relações e as ações bastante verossímeis. O cuidado e a frequência com que maneja os close-ups cumpre com a sua função de nos aproximar da personagem, mas para além disso trabalha o cómico e a dor. Isto é, rimo-nos do bigode ridículo de Danny ao mesmo tempo que barafustamos com ele no trânsito ou entramos no seu triste olhar. Esta “trágico-comicidade” surge igualmente em diversos episódios durante o filme, como o tratamento dos pacientes no hospital, a fuga de Jean ao avistar um velho amigo do pai. A personagem que Elizabeth Marvel interpreta é de resto um grande enigma que gostaríamos que tivesse sido mais explorado. Pois esta silhueta que vive agarrada às paredes parece esconder um tesouro. De qualquer forma, a interpretação de todos os atores é fantástica, salientando o trabalho de Adam Sandler, que nos surpreende, e de Emma Thompson, aquele tempero que torna tudo mais saboroso.

Noah Baumbach divide o filme por capítulos, por histórias ou por relações, como quisermos ler. E assim entramos nas vidas de cada um dos Meyerowitz, sabendo que no final caímos na armadilha: deixámo-nos cativar pelas personagens e o fim já não é suficiente.

Título original: The Meyerowitz Stories (New and Selected) Realização: Noah Baumbach Elenco: Adam Sandler, Grace Van Patten, Dustin Hoffman, Emma Thompson, Judd Hirsch, Sigourney Weaver. Duração: 112 min. EUA, 2017