San Andreas

SAN ANDREAS

SAN ANDREAS

Brad Peyton realizou «San Andreas», um vistoso filme catástrofe com Dwayne Johnson no papel de Raymond Gaines, um action-hero de eleição que salva-vidas de helicóptero. A história não tem nada de saber, a filha de Raymond (Alexandra Daddario) está com o seu futuro padrasto (Ioan Gruffudd) em São Francisco quando a mãe de todos os tremores de terra se começa a fazer sentir na cidade. A jovem deixada ao abandonado pelo padrasto é salva por dois irmãos, juntos têm de encontrar um lugar seguro na cidade. Mais a sul Raymond resgata a sua ex-mulher (Carla Gugino) e dirige-se para uma cidade com os dias contados para salvar a filha enquanto lidam com um trauma familiar passado. Perante um gigantesco desastre natural na Califórnia Raymond com stunts mirabolantes e sequências visualmente assombrosas está a jogar em casa. As sequências dramáticas são interlúdios do caos e destruição, não é um filme “chunga” catástrofe (olá «2012»!), lida com tremores de terra mas não se vai completamente abaixo mas não esperem performances sísmicas nem algum tipo de lógica em «San Andreas». O filme dá cartas na edição blu-ray na poderosa combinação dos efeitos visuais e sonoros para trazer a destruição aos nossos ecrãs com featurette sobre a falha de San Andreas, a banda sonora do terramoto, cenas eliminadas, gags e um sólido comentário do realizador.

Título original: San Andreas Realização: Brad Peyton Elenco: Dwayne Johnson, Carla Gugino, Alexandra Daddario, Ioan Gruffudd, Archie Panjabi, Paul Giamatti Duração: 114 min. EUA/Austrália, 2015

[Texto originalmente publicado na Revista Metropolis nº36, Março 2016]