O Primeiro Encontro

O PRIMEIRO ENCONTRO

O PRIMEIRO ENCONTRO

O canadiano Denis Villeneuve tem feito um percurso seguro e sempre em crescendo na sétima arte. Depois do cinema independente colocou-se no mapa com «Raptadas», deixou-nos rendidos com o thriller «Sicario» e arrebata-nos com «O Primeiro Encontro». O filme baseado no romance Story of Your Life, de Ted Chiang, foi adaptado por Eric Heisserer. Dada a complexidade da obra, pode-se dizer que este foi um trabalho totalmente conseguido. A realização de Villeneuve confere nuances às imagens que passam à nossa frente – veja-se o átrio de uma universidade que parece ser a entrada de uma nave espacial, ou uma figura humana desfocada junto da cama de um hospital que se assemelha a um alien. À inteligência visual equipara-se à sofisticação narrativa sobre o poder da linguagem e do amor num exercício de reflexão sobre a humanidade. Em pano de fundo estão seres do outro mundo que visitam a Terra perante a histeria em massa dos media, líderes mundiais e populações em alvoroço. Uma conceituada linguista (Amy Adams devora o ecrã) e alguns cientistas podem ser a única chance de escapar a uma catástrofe global e o estabelecimento de um contacto com a vida extraterrestre e… mais não podemos dizer. Vejam e deixem-se levar por um filme belo e surpreendente que ultrapassa a ficção cientifica e que deverá figurar entre os pesos pesados do género. A edição em Blu-ray, além de ser uma transferência imaculada em termos de som e imagem, contém featurettes interessantes em torno da produção e o dilema da comunicação, o pensamento, a memória e o tempo.

Título original: Arrival Realização: Denis Villeneuve Elenco: Amy Adams, Jeremy Renner, Forest Whitaker, Michael Stuhlbarg, Tzi Ma. Duração: 116 min. EUA/Canadá, 2016

[Texto originalmente publicado na revista Metropolis nº50, Junho 2017]

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Artigos