Castle Rock

Castle Rock

Depois de uma primeira temporada muito bem conseguida, «Castle Rock» está de regresso à antena do TVCine. Com Lizzy Caplan (Mean Girls, Masters of Sex) no papel principal, os criadores Sam Shaw e Dustin Thomason revisitam a fictícia Castle Rock. A localidade, que brotou das “trevas” para servir de palco às histórias de Stephen King, é reinventada aos olhos de uma ficção ousada e inspirada na vasta obra do autor de mistério e terror.

Mudam as personagens, ficam os traumas. Mais negra do que nunca, a série vive sufocada pela paranoia de Annie Wilkes, numa performance soberba de Caplan. Ao contrário da T1, que seguia apenas o ambiente de King, a nova temporada está diretamente ligada aos livros de King e oferece uma história de origem a uma vilã bem conhecida. Annie Wilkes é a grande antagonista de “Misery”, livro adaptado ao cinema em 1990 e com Kathy Bates como figura principal – o filme valeu, aliás, o único Óscar na carreira da atriz.

Juntamente com o filha Joy (Elsie Fisher), Annie leva a vida sem pertencer a ninguém ou a lugar algum. Com uma forte componente psicótica e instável, mantém Joy constantemente sob controlo e não abre a porta a qualquer intervenção do exterior. Fortemente medicada por iniciativa própria, começa a trabalhar no hospital, depois de um acidente nas proximidades de Castle Rock, e tenta a todo o custo encontrar a medicação que lhe possibilidade uma “aparente” normalidade.

CASTLE ROCK — “Let The River Run” – Episódio 201 —
Uma enfermeira é atropelada em Castle Rock. Annie (Lizzy Caplan), na foto. (Fotografia por: Maura Longueil/Hulu)

A tensão narrativa está em alta, o que não surpreende atendendo ao foco na construção de Wilkes e àquilo em que ela eventualmente se transformará. Não há descanso desde o primeiro instante. Caplan procura os trejeitos de Kathy Bates, encontra-os e torna-os seus, com uma naturalidade tal que parece ter nascido para interpretar esta personagem. Não obstante, é certo que as liberdades criativas tomadas pela série não vão agradar a todos, algo sempre presente quando se recupera obras bem estabelecidas.

Se ainda não estão convencidos a agarrar a nova temporada de «Castle Rock», há um elenco que promete desfazer todas as dúvidas. Caplan conta com a companhia de Tim Robbins (Os Condenados de Shawshank, Mystic River, The Brink) e Barkhad Abdi (Capitão Phillips). A trama recupera também o mítico Salem’s Lot, da obra com o mesmo nome de 1975, a segunda publicada por King.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Arigos recentes