Bandido

BANDIDO

BANDIDO

Gilbert Galvan foi um dos mais conhecidos assaltantes da América do Norte, roubou mais de 50 bancos durante 3 anos, no Canadá. Assaltou em quase todos os estados e só num ano foram mais de 20. Uma história como esta não podia escapar à fábrica de sonhos e «Bandido» leva-nos aos acontecimentos desses anos. O filme começa com o protagonista a escapar-se duma prisão no Michigan e a fugir para o Canadá. Aí, assume uma nova identidade. Vivemos na era de Reagan nos EUA, e as dificuldades económicas são evidentes. A solução é o empreendedorismo: assaltar pequenos bancos e ir somando dólares. Assumindo diferentes identidades em cada assalto, o nosso “herói” associa-se a um “gangster” local para assegurar a eficácia dos seus planos. A polícia local começa a investigar.

Josh Duhamel é o protagonista deste “heist movie”, filme de golpe, um género explorado com alguma frequência e que nos deixou alguns dos protagonistas mais amados da história do cinema. A verdade é que não conseguimos deixar de ficar do lado destes “bandidos” quando a polícia os persegue ou quando são presos, no final da história. É irresistível a atração que provoca no espetador a argúcia, coragem e uma dose de locura para cometer estes crimes e tornarem-se o alvo principal das autoridades. As questões morais são discutidas e, neste filme em particular, a máxima do “bom selvagem” de Rousseau – “Ninguém nasce mau” – dá cor aos acontecimentos.

Importa saber se com uma história deste calibre, o canadiano Alan Ungar teria mãos para a filmar. O resultado não desilude pois quer a irreverência quer a ironia do tom contribuem para isso. Acresce o charme e elegância, a leveza e o humor de Duhamel, num registo seguro e a presença tutelar do veterano Mel Gibson, num elenco consistente e funcional. A sucessão de assaltos é ilustrada de forma divertida e a narrativa é servida por uma montagem eficaz. No final das contas, «Bandido» é uma lembrança nostálgica dum certo cinema dos anos 1980 e 1990, perdido na viragem do milénio. A ver!

Título original: Bandit Realização: Allan Ungar Elenco: Josh Duhamel, Elisha Cuthbert, Nestor Carbonell, Mel Gibson Duração: 99 min. Canadá, 2022