logo

Entrar
Actualizado às 11:37 PM, Nov 4, 2019

Netflix - Escolhas Metropolis – Semana de 13 de Março

Destaque Netflix - Escolhas Metropolis – Semana de 13 de Março

Um defensor da Marvel, uma comediante em estado de graça, espiões na Guerra Fria... Personagens diversos e histórias únicas são algo que não falta na Netflix Portugal. Se ainda não escolheu o que ver, a Metropolis apresenta-lhe algumas sugestões.

Novidades



PUNHO DE FERRO
A parceria entre Marvel e Netflix já deu bons frutos, como são exemplo as séries «Demolidor», «Jessica Jones» e «Luke Cage» (ambas disponíveis na Netflix Portugal). Agora chega-nos um novo trabalho em conjunto, desta vez com um novo super-herói como protagonista: Iron Fist. Danny Rand sobreviveu a um acidente aéreo que vitimou a sua família e todos julgavam-no morto. Contudo, Rand regressa, muitos anos depois, sendo agora um mestre das artes especiais com a capacidade de invocar a força mística do Poder de Ferro.
Criada por Scott Buck, nomeado para 7 Emmys, «Punho de Ferro» é protagonizada por Finn Jones, o Loras Tyrell da série «A Guerra dos Tronos», tendo também no elenco David Wenham, Jessica Henwick, Rosario Dawson e Carrie-Anne Moss. Iron Fist é o último herói a ser apresentado antes do crossover «The Defenders», que junta Daredevil, Jessica Jones, Luke Cage e Iron Fist na luta contra o crime em Nova Iorque, uma série que tem estreia prevista na Netflix ainda para este ano. Para já, conheça o último Defensor, a partir de 17 de março.

AMY SCHUMER: THE LEATHER SPECIAL
É uma das humoristas norte-americanas mais famosas no mundo e até deu cartas no cinema, quando escreveu e protagonizou «Descarrilada» (2015), que lhe valeu a nomeação para o Globo de Ouro de Melhor Atriz em Comédia/Musical, além da indicação da obra para Melhor Filme de Comédia ou Musical. Schumer volta em breve ao grande ecrã com o filme «Olha Que Duas», onde divide o protagonismo com Goldie Hawn, mas, antes disso, a Netflix apresenta-nos este especial de stand-up picante e irreverente, como só poderia ser com Amy Schumer.

Filmado no Bellco Theater, em Denver, a comediante discorre sobre sexo, encontros românticos e o lado absurdo e caricato da fama, prometendo muitas gargalhadas e momentos descomplexados.

LOVE
Depois do sucesso da 1.ª temporada, «Love» regressa para mais 12 episódios. Criada por Judd Apatow, Lesley Arfin e Paul Rust, a série acompanha um casal que enfrenta as humilhações da intimidade e do compromisso após um desgosto amoroso. Gillian Jacobs e Paul Rust dão vida aos dois personagens principais em que a comédia predomina, sem deixar de haver lugar para momentos menos airosos. Entretanto, está já confirmada a 3.ª temporada.

Maratona da Semana

luther
LUTHER
Mistério, crime e uma mente prodigiosa para desvendar imbróglios inexplicáveis, «Luther» foca-se num detetive esforçado em cumprir da melhor maneira o seu propósito, acabando por enfrentar as consequências psicológicas dos crimes que resolve. A série britânica de 4 temporadas foi a oportunidade de ouro para Idris Elba mostrar todo o seu potencial artístico e o ator não desperdiçou, tendo vencido vários prémios pela sua interpretação, como um Globo de Ouro e um prémio atribuído pelo Sindicato dos Atores. Suspense e até um pouco de Ciência Comportamental são alguns dos ingredientes da série, que revelou um dos personagens mais complexos e interessantes da televisão nos últimos anos.


Agora na Netflix

mustang

MUSTANG
Um filme que explora a liberdade e autonomia do sexo feminino, «Mustang» é uma ode à luta pelos sonhos mesmo quando os obstáculos culturais e sociais são gigantes. A história passa-se na Turquia e foca-se em cinco meninas que são vistas a brincar com rapazes numa praia, escandalizando a sua família, que imediatamente as tranca em casa e começa a preparar casamentos arranjados para elas.
A cineasta turca Deniz Gamze Ergüven teve com «Mustang» a sua primeira longa-metragem e o sucesso repercutiu-se por vários locais. A obra venceu o Prémio LUX em 2015, atribuído pelo Cinema Europeu, sendo ainda nomeado na categoria de Melhor Filme em Língua Estrangeira nos BAFTA, Globos de Ouro e Óscares.

the americans the americans

THE AMERICANS
A série passa-se no início da década de 1980, com a Guerra Fria como palco, em que dois agentes do KGB, Elizabeth (Keri Russell) e Philip Jennings (Matthew Rhys), fingem que são um casal a viver discretamente perto de Washington. Apesar de existirem elementos de drama e suspense, o foco é mesmo para as relações humanas.
Os protagonistas foram ambos nomeados para o Globo de Ouro e Margo Martindale venceu dois Emmys pela sua interpretação. A série foi criada por Joe Weisberg, um antigo agente da CIA, e tem sido muito elogiada pela crítica e público, tendo já sido confirmada a sua sexta e última temporada. Entretanto, poderá ver na Netflix Portugal, as três primeiras.

 

Film Michael Keaton
Figura da Semana: Michael Keaton

Outrora conhecido como o Batman ou mais ligado a papéis cómicos, Michael Keaton tem revelado, nos últimos anos, uma vertente mais dramática e tem sido muito bem sucedido. Caso disso é o filme que chega esta semana às salas portuguesas, «O Fundador», em que interpreta Kay Kroc, um vendedor que transformou a McDonald’s no mega sucesso comercial que hoje conhecemos.

JACKIE BROWN
Realizado e escrito por Quentin Tarantino depois do filme de culto «Pulp Fiction» (1994), «Jackie Brown» centra-se numa hospedeira que se vê envolvida numa contenda em que pode ter lucro ou perder a vida. Pam Grier, Samuel L. Jackson, Robert De Niro e Michael Keaton fazem parte do elenco do filme, mas foi Robert Foster que conseguiu uma nomeação para o Óscar de Melhor Ator Secundário. Quer seja pela história ou pelo elenco, «Jackie Brown» é mais uma oportunidade para ver o talento de Quentin Tarantino em ação.

BIRDMAN
Foi um dos filmes-sensação dos Óscares 2015 e não faltam razões para isso: «Birdman» é um dos filmes mais intrigantes e entusiasmantes dos últimos anos. Filmado de uma forma invulgar (praticamente sem cortes) por Alejandro G. Iñárritu, a obra mostra os avanços e recuos da produção de uma peça na Broadway, em que um ator outrora famoso tenta retomar a sua velha glória.
Para Michael Keaton, «Birdman» foi uma espécie de renascimento artístico, tendo sido nomeado para o Óscar de Melhor Ator Principal e vencido o Globo de Ouro, entre várias indicações. O filme venceu 4 Óscares, incluindo nas categorias de Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Fotografia e Melhor Argumento Original.

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.