logo

Entrar
Actualizado às 5:02 PM, Aug 25, 2019

«Silêncio» - Scorsese vai estar nos Oscars

Este é Liam Neeson no papel de Cristóvão Ferreira, padre jesuíta português que, no Japão do século XVII, foi objecto de dramáticas perseguições — a sua história, inspirada em factos reais, está contada numa admirável ficção literária, Silêncio, romance de Shusaku Endo publicado em 1966.

Abreviando uma longa história, lembremos que, desde o começo da década de 1990, Martin Scorsese ambicionava adaptar o livro de Endo — foi apenas em 2013 que o projecto foi oficializado no Festival de Cannes, quando Scorsese e a sua equipa de produção começaram a negociar acordos internacionais de distribuição.

Andrew Garfield, Adam Driver e Ciarán Hinds são, além de Neeson, outros nomes que integram o filme Silêncio que, de acordo com as notícias dos últimos meses, deveria estar pronto para um lançamento algures em 2017. O certo é que a Paramount, responsável pela distribuição nos EUA, tendo garantido a conclusão da montagem por parte do realizador, decidiu estreá-lo, em lançamento limitado, a 23 de Dezembro, para depois, em Janeiro, alargar o número de salas [notícia do Variety].

Na prática, isto significa que Scorsese vai estar na corrida para os Oscars referentes à produção de 2016 — a adaptação é de Jay Cocks, a música de Howard Shore, a fotografia de Rodrigo Prieto e a montagem de Thelma Schoonmaker, para uma duração de 195 minutos.

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.