logo

Entrar
Actualizado às 11:54 AM, Oct 8, 2019

Black Mass - Jogo Sujo

Um filme assente numa profunda investigação jornalística levada a cabo por Dick Lehr e Gerard O’Neill e que resultou na revelação das ligações criminais entre o FBI e um dos criminosos mais perigosos da história nos Estados Unidos, James ‘Whitey’ Bulger. O filme de Scott Cooper segue bastante de perto os acontecimentos trazidos a público pela investigação jornalística. Consegue revelar o retrato completo a nível social, humano, político e criminal do reino de terror criado por ‘Whitey’ Bulger em Boston. A história é uma trama de várias conexões assentes na lealdade do sangue e na ascendência social dos personagens de um bairro pobre de Boston, ligações que anos mais tarde resultaram em diferentes posições de influência que encobrem os crimes de ‘Whitey’ Bulger. A obra está assente numa performance titânica de Johnny Depp, é, aliás, incompreensível como não chegou aos Oscars. Johnny Depp tem uma transfiguração física e psicológica que provoca o puro terror, é muito mais do que próteses e lentes de contacto na criação de um assassino maníaco que tinha uma visão deturpada da honra e dissimulava os sentimentos – salvo raras excepções onde tinha impiedosos ataques de raiva. «Black Mass» é um filme seco, pouco virtuoso mas eficaz a montar uma grandiosa manta de retalhos humanos onde temos Johnny Depp e os outros...

tres estrelas

Título Nacional Black Mass - Jogo Sujo Título Original Black Mass Realizador Scott Cooper Actores Johnny Depp, Benedict Cumberbatch, Dakota Johnson Origem Estados Unidos Duração 123’ Ano 2015

Edição DVD - NOS Audiovisuais

(Texto publicado originalmente na Metropolis nº39)

Mídia

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.